A Rainha da Inglaterra encontra uma lesma na salada e manda bilhete para o chef

A Rainha da Inglaterra encontrou uma lesma na salada

Ninguém por aqui se importa com a Rainha da Inglaterra, mas é interessante ver a reação de uma pessoa que tem grande prestígio e é idolatrada em outras culturas:

Você poderia pensar que, quando alguém faz parte da equipe da Casa Real, esta pessoa fará de tudo para oferecer um serviço excepcional à Rainha e à sua família; mas, às vezes, erros acontecem.

No livro recém-lançado, “Dinner at Buckingham Palace” (Jantar no Palácio de Buckingham), o ex-membro da equipe real, Charles Oliver, entra em detalhes sobre um desses raros erros, e como a Rainha Elizabeth II lidou com isso.

De acordo com Oliver, um dos chefs pessoais de Sua Majestade, uma vez cometeu um grande faux-pas, quando ele lhe serviu uma salada com uma lesma escondida entre as folhas.

Naturalmente, a Rainha não ficou impressionada e fez questão de deixar o chef saber exatamente como ela se sentiu a respeito, sem ser desrespeitosa ou grosseira.

A monarca, que geralmente deixa notas e sugestões para sua equipe, colocou a lesma morta em um pedaço de papel de seu bloco de anotações, e ao lado dela ela escreveu:

Eu encontrei isso na salada – você poderia comê-la?

Naturalmente, a Rainha tem todo o direito de ficar zangada com o incidente, mas aqueles que estão familiarizados com seu senso de humor acreditam que ela estava apenas sendo engraçada ao mandar de volta um bilhete tão atrevido.

Embora ela tenha coisas que não gosta (e quem não tem?), Oliver diz que a Rainha “não é exigente com comida”. Ele também escreve que Elizabeth é muito atenciosa com seus convidados, e se eles não estão interessados ​​em um determinado item de comida, ela vai tomar nota disso para o pessoal da cozinha, caso os convidados voltem.

Como sua esposa, o príncipe Philip também gosta de alertar sua equipe através de notas escritas.

Oliver explica:

Se o príncipe Philip gostar especialmente de um vinho, ou sua esposa for particularmente elogiosa, ele escreverá no rótulo da garrafa ‘Bom’ ou ‘Muito Bom’, para que o Yeoman das Adegas de Vinho o sirva novamente.

De acordo com o BBC, embora a Rainha não seja necessariamente exigente, quando come em casa, ela tem uma lista de exigências dietéticas ao viajar que os chefs anfitriões devem honrar.

Por exemplo, quando a rainha e o príncipe Philip visitaram Roma e Milão em 2000, alho, massas longas e molhos ‘confusos’ estavam fora do cardápio.

Elizabeth e sua família também têm sido conhecidos por evitar comer certos tipos de frutos do mar, quando estão fora das paredes do palácio. Isto ocorre principalmente porque há um alto risco de intoxicação alimentar associada a frutos do mar.

Além de moluscos, a Família Real é desencorajada de consumir carne crua, água da torneira de países estrangeiros e alimentos que são muito picantes ou exóticos. Estas restrições estão em vigor para prevenir doenças que poderiam interferir em suas obrigações enquanto estiverem longe de casa.

(Fonte)

Assim, se você algum dia se encontrar cara-a-cara com um membro da Família Real Britânica, não se intimide. No fundo, a rainha da Inglaterra e seus descendentes são iguais a qualquer outro ser humano no mundo…

Termos recentes de pesquisa:

Compartilhe com as pessoas queridas: