Aplicativo de celular salva bebê ainda na barriga da mãe

Compartilhe com as pessoas queridas:

Smartphones podem ser muito criticados devido ao fato de serem uma grande distração para as pessoas, mas um aplicativo de maternidade acaba de salvar a vida de um bebê ainda na barriga de sua mãe.

Emily Eekhoff fez o download do aplicativo “Count the kicks” (contar os chutes) quando ela estava grávida de 28 semanas.

O aplicativo foi desenvolvido para verificar a saúde de bebês que ainda não nasceram, monitorando a frequência de chutes do bebê. Se ele está saudável, normalmente ele chutaria um pouco a cada hora, mas quando Emily completou 33 semanas de gestação, os chutes constantes pararam.

Preocupada com a falta de movimentação, a mãe de 26 anos foi até o hospital Mercy Medical Center, em Des Moines, Iowa (EUA), para passar por uma consulta.

Foi bom ela ter ido, pois os médicos descobriram que o bebê tinha batimentos cardíacos, mas não estava se mexendo. Então, eles imediatamente fizeram uma cesariana de emergência. Quando a filha de Emily nasceu, seu cordão umbilical estava enrolado três vezes em volta de seu pescoço.

 

Se ela não tivesse reconhecido o perigo, a criança poderia ter nascido morta.

Mas após receber oxigênio, a menina, chamada Ruby, pesa aproximadamente 1,95 kg, e está indo muito bem.

O aplicativo Count the Kicks foi desenvolvido por quatro mulheres que perderam seus bebês em situações similares a essa. Emily agradeceu muito às criadoras, dizendo que se não fosse por essa inovação, ela poderia estar enlutada com a morte de sua filha agora, ao invés de estar celebrando seu nascimento.

JNeme

Fonte

Termos recentes de pesquisa:


Compartilhe com as pessoas queridas: