Dentistas podem cheirar o medo e isso prejudica seus desempenhos

Compartilhe com as pessoas queridas:

Você fica aterrorizado(a) quando vai ao dentista? Então aqui está uma boa razão para controlar seu medo:

Dentistas podem cheirar o medo e isso prejudica seus desempenhos

Uma nova pesquisa sugere que os dentistas podem inconscientemente sentir o medo e que a ansiedade de seus pacientes pode prejudicar seu desempenho. Como os cientistas descobriram que a ansiedade de um paciente na cadeira odontológica é bastante óbvia? Primeiro, Valentina Parma e seus colegas da Escola Internacional de Estudos Avançados de Trieste, na Itália, colecionaram camisetas usadas por estudantes que se sentaram para um exame difícil ou uma palestra calma.

A revista New Scientist publicou:

A equipe então encharcou as camisetas com um produto químico que mascara o odor do corpo, de modo que não era possível sentir o odor corporal deles. Quando as camisetas foram apresentadas a um grupo diferente de 24 estudantes de odontologia, eles disseram que não conseguiam detectar nenhuma diferença entre aquelas tiradas das situações estressantes ou relaxadas.

Em seguida, manequins foram vestidos com as camisetas doadas, e o segundo grupo de estudantes teve que fazer tratamentos dentários sobre eles. Cada aluno foi avaliado em seu desempenho por examinadores – e eles tiveram um desempenho significativamente pior ao tratar manequins vestindo camisetas de pessoas que estavam estressadas. Os erros incluem maior probabilidade de danificar os dentes vizinhos ao que está sendo tratado, por exemplo.

Parma acha que o cheiro de ansiedade pode estar desencadeando as mesmas emoções naqueles que subconscientemente o sentem.

“É muito fascinante”, diz Pamela Dalton, do Monell Chemical Senses Center, na Filadélfia, EUA. “Isso nos ajuda a entender como podemos nos comunicar sem a linguagem.”

(Fonte)

Então você já sabe: não mostre ao seu dentista que você está aterrorizado, seja lá que ele for!

 

 

 


Compartilhe com as pessoas queridas: