Gata trás convidado inesperado para o jantar

Compartilhe com amigo(a)s! Obrigado. :)

Vivendo em uma propriedade de 2 hectares, na área rural do estado de Minnesota (EUA), Nick Rodgers está muito acostumado a ver animais ao redor de sua casa. Ao longo dos anos, um de seus favoritos se tornou Princess, uma gata com pêlo laranja brilhante que aparece de tempos em tempos para visitá-lo.

Nick disse ao site The Dodo:

Ela viaja entre fazendas e todos a conhecem. É uma ocorrência comum a princesa aparecer depois do jantar, então a alimentamos.

Uma noite no início deste mês, no entanto, a princesa veio visitar e teve um jantar acompanhada de um amigo bastante incomum: um gambá.

Gata trás convidado inesperado para o jantar

Princess, a gata, com seu amigo gambá | Nick Rodgers

Assim como a princesa faz, o gambá vagou até a varanda e começou a comer a comida na tigela. Felizmente, Princess já havia feito sua própria refeição antes, de modo que o bicho de cauda magra foi permitido de saborear o jantar.

Princess, claro, ainda parecia que queria comer mais – mas ambas as partes foram muito educadas.

Nick Rodgers

Esta não é a primeira vez que a gata e os gambás da região saem juntos.

Nick disse:

Há uma família de gambás perto e eu até vi a Princess brincar com os filhotes no quintal. Eles ficam seguindo um ao outro por aí. Eles podem ter crescido juntos.

Um dos gambás carregando uma bola de alpiste fora | Nick Rodgers

Embora Nick tivesse ficado surpreso na primeira vez que viu Princess com os gambás, ele logo percebeu que eles aprenderam a conviver pacificamente.

Nick disse:

Quando eu comecei a vê-los, eles ficavam nariz-a-nariz por um tempo, então Princess corria e o gambé tentava acompanhar. Isso continuou por um tempo. Nenhum dos dois se posicionou como se quisesse lutar, então eu sentei e aproveitei o show.

Nick Rodgers

Vendo quão gentis os gambás são em relação à Princess, Nick espera poder ajudar a quebrar a má reputação que a espécie tem – e encoraja as pessoas a não afastá-las se forem flagradas nos bosques.

Um equívoco comum sobre gambás é que eles carregam a raiva – mas, na verdade, eles são resistentes à doença.

Nick ainda disse:

Os gambás são muito incompreendidos. Eles não são agressivos, apenas curiosos. Além disso, eles comem tantos carrapatos e insetos. Eu sinto que eles são tão meus amigos como a Princess é.

(Fonte)

Se animais de diferentes espécies podem viver em paz, e até mesmo serem amigos, por que o homem não consegue fazer isso entre a nossa própria espécie?

Uma lição a ser aprendida aqui.


Compartilhe com amigo(a)s! Obrigado. :)