Logo os pneus serão feitos de madeira e não ingredientes à base de petróleo

Logo os pneus serão feitos de madeira

A fabricante de pneus francesa Michelin anunciou que substituirá os ingredientes à base de óleo de seus pneus por cavacos de madeira.

A iniciativa faz parte dos esforços da empresa para fazer com que um jogo de seus pneus durem a vida inteira.

Além disso, é esperado que o uso de cavacos de madeira de origem local, como ingrediente renovável nos produtos, ajude a reduzir a dependência da indústria de pneus em relação ao petróleo. Também se espera que os ingredientes de madeira reduzam drasticamente os custos de produção.

O primeiro pneu à base de madeira da Michelin deverá ser revelado em 2020.

Cyrille Roget, diretor mundial de comunicação científica e de inovação da empresa, disse, de acordo com a Motoring:

Os elastômeros das aparas de madeira irão substituir o teor de óleo nos pneus. Oitenta por cento dos materiais em pneus são provenientes de petróleo.

Temos um projeto trabalhando com cavacos de madeira. Vamos usar os resíduos da indústria madeireira para criar elastômeros que entram em pneus.

Acreditamos que é uma boa solução para o futuro.

Atualmente, a empresa está trabalhando com plantações autônomas de madeira no Brasil como meio de desenvolver o processo.

Outro método que a Michelin usará para estender a vida útil de seus pneus será usar impressoras 3D para reformar e consertar pneus, quando eles já estão desgastados pelo uso.

A empresa estima que as recauchutagem de pneus por impressão 3D não se concretizará por mais 10 ou 15 anos, mas pode ser muito mais cedo, dependendo de como a tecnologia se desenvolve.

(Fonte)

Parabéns à Michelin. Precisamos que todas as indústrias do mundo comecem a agir desta forma.

A natureza agradece…

Compartilhe com as pessoas queridas: