Misterioso ladrão de notebook envia mensagem bizarra se desculpando e fazendo uma oferta surpresa à vítima

Misterioso ladrão de notebook envia mensagem bizarra se desculpando e fazendo uma oferta surpresa à vítima

Quando um de seus valiosos pertences é roubado, é compreensível sentir-se totalmente furioso com o ladrão. 

Você pode esperar que o culpado tenha uma mudança de opinião e decida devolver o que lhe pertence, mas a infeliz realidade é que o que foi roubado provavelmente se foi para sempre. 

De forma bizarra, Steve Valentine, de Birmingham na Inglaterra, revelou como seu colega de apartamento recebeu um e-mail do ladrão que roubou seu notebook – com uma explicação. 

Na área ‘assunto’ do e-mail diz: “Sinto muito pelo seu laptop” e faz uma oferta incomum.

 O ladrão não identificado começou a mensagem dizendo que ele “sentia muito, muito” por ter pego o notebook do aluno. 

Ele prossegue:

Eu sou extremamente pobre e precisava do dinheiro. Deixei seu telefone e sua carteira, então espero que compense por algo.

O ladrão, que claramente tinha uma consciência pesada, fez um gesto bom, mas que não compensou o roubo. 

Ele escreveu:

Eu posso ver que você é um estudante universitário. Se houver algum arquivo aqui, como o trabalho da universidade que você precise, me avise e eu os enviarei para você aqui. Mais uma vez, sinto muito.

Stevie twittou a imagem, escrevendo:

Então, o notebook do meu colega de apartamento foi roubado hoje, por favor veja o que o ladrão lhe enviou. 

https://twitter.com/StevieBlessed/status/1067579613361131521

A postagem do Twitter se tornou viral e agora foi compartilhada mais de 28.000 vezes e recebeu mais de 400 comentários.

 Alguns elogiaram o ladrão – e simpatizam com a situação dele. 

Uma pessoa disse que a mensagem “quebra meu coração”.

Outro acrescentou: “Este é o melhor ladrão que eu já vi.”

“Eu realmente gosto deste ladrão”, disse um terceiro. 

Outros foram mais críticos do ladrão, com uma pessoa escrevendo:

Uau. Entendi. E o e-mail parece legal. Mas, puxa, você roubou de um aluno. Os estudantes também estão falidos. E agora eles precisam descobrir como fazer seus trabalhos.

Alguns sugeriram que o ladrão deva escrever a dissertação do aluno, ou a vítima de roubo deva negociar para garantir o retorno de seu notebook.

(Fonte)

Embora o ladrão tenha explicado sua situação e entrou em contato com o aluno, nada pode realmente justificar o que ele fez.

Muitas vezes o que se faz aqui, se paga aqui…

Compartilhe com as pessoas queridas: