Morgan Freeman transformou sua chácara num santuário para abelhas

Compartilhe com as pessoas queridas:

santuário para abelhas

Com uma voz inesquecível e um rosto amado por milhões de fãs, Morgan Freeman é um homem fácil de gostar. Ele tem sido um ator, diretor e cineasta – e agora, também um filantropo. Seu último projeto? Ajudar a restaurar a população mundial de abelhas.

Quase um terço dos alimentos que comemos é resultado direto ou indireto do trabalho duro de uma abelha. Seu papel na polinização de nossas fontes de alimentos não pode ser subestimado. Infelizmente, abelhas ao redor do mundo estão morrendo mais rápido do que podem se reproduzir. Enquanto as pessoas estão fazendo um trabalho admirável de contribuição para habitats amigáveis, como usar menos pesticidas e plantar mais flores, as abelhas ainda estão morrendo em números recorde.

Morgan Freeman entende a importância das abelhas para a saúde de nossos ecossistemas e teve isso a dizer sobre o que está acontecendo:

Há um esforço concertado para trazer as abelhas de volta ao planeta … Não percebemos que elas são a base, eu acho, do crescimento do planeta, da vegetação… Tenho muitas flores e também tenho uma jardineira. Porque ela cuida das abelhas também, tudo o que ela faz é descobrir, ‘OK, o que elas gostariam de ter?’, Então temos acres e acres de trevo, estamos plantando coisas como lavanda, e eu tenho, talvez, 140 árvores de magnólia, grandes flores. Eu nunca usei a rede de apicultura com minhas abelhas. Elas ainda não me picaram, porque agora não estou tentando colher mel ou nada, estou apenas alimentando-as… Acho que elas pensam, ‘Ei, não incomode esse cara, ele tem água açucarada aqui’.

Esperemos que os astros e as estrelas mais icônicas continuem seguindo sua liderança filantrópica. Com mais dinheiro e tempo disponíveis do que as pessoas comuns, os astros e as estrelas de cinema podem prover um retorno muito maior à saúde ambiental do que muitos outros indivíduos.

n3m3

Fonte

Termos recentes de pesquisa:


Compartilhe com as pessoas queridas: