Mulher sobrevive em seu carro por 7 dias depois de cair de um penhasco

Compartilhe com as pessoas queridas:

Angela Hernandez, de 23 anos, estava dirigindo seu Jeep Patriot pela auto estrada, Highway 1, de Portland a Lancaster, no sul da Califórnia, nos EUA, em 6 de julho, quando seu SUV caiu num precipício.

Aproximadamente às 22h em 5 de julho, ela mandou uma mensagem para sua família dizendo que estava cansada e iria dormir em seu carro num estacionamento em Half Moon Bay. Às 8 horas da manhã seguinte, Hernandez comunicou à sua família que ela estava partindo novamente, mas nenhuma outra ligação ou mensagem foi recebida depois que essa mensagem foi enviada.

A polícia foi notificada e começou a procurar por Hernandez em 6 de julho, e viu seu jipe ​​Patriot passando pelo condado de Monterey aproximadamente às 9h30 de 6 de julho, graças à câmera de segurança de uma empresa. Outras buscas foram conduzidas. No entanto, devido ao forte nevoeiro, as buscas aéreas tornaram-se quase impossíveis.

Mulher sobrevive em seu carro por 7 dias

Uma semana depois do desaparecimento de Hernandez, duas pessoas caminhando ao longo do penhasco onde seu SUV caiu – Big Sur – viram destroços no fundo e notificaram as autoridades. John Thornburg, do escritório do xerife em Monterey County, disse que o veículo estava entre 60 a 75 metros do topo do penhasco e estava parcialmente submerso.

Hernandez de alguma forma sobreviveu à queda em seu SUV, e viveu lá por uma semana usando a mangueira de seu radiador para sugar a água de um córrego próximo. Ela já foi resgatada e dizem que está em boas condições. Acredita-se que ela sofreu uma concussão durante o acidente e foi transportada para um hospital próximo por helicóptero.

A irmã de Angela, Isabel, postou no Facebook dizendo;

Minha irmã sobreviveu sozinha por sete dias a 60 metros num penhasco da HW1. Isso é muito traumático e será um processo de recuperação lenta. Minha irmã está viva, ela está falando e ainda está tentando entender tudo. Ela é uma lutadora e lutou tanto e vai continuar. Não será uma recuperação fácil. Em seu acidente, ela perdeu tudo. Inclusive o carro dela, que era seu meio de vida.

(Fonte)

Na vida, como todos sabemos, nem tudo é alegria. Mas só o fato dela ter sobrevivido este terrível acidente, embora tenha perdido seus pertences, já é razão para regozijo.

Com certeza ela poderá contar com o apoio de seus familiares e amigos, bem como o de pessoas estranhas que simplesmente agem como anjos da guarda em casos como este.

 

 

Termos recentes de pesquisa:


Compartilhe com as pessoas queridas: