Veja porque pais estão guardando os dentes de leite de seus filhos

Você sabia que o dente de leite de uma criança pode salvar uma vida?  Bem, alguns pais estão familiarizados com o conceito de guardar o sangue do cordão umbilical de seus bebês, devido aos benefícios das células tronco contidas nele, mas não sabiam que ainda há uma chance de acessar as células tronco de seu bebê de forma indolor, e um recente estudo prova isto.

Veja o que você precisa – um recente estudo, conduzido por um grupo de especialistas do National Institute of Dental and Craniofacial Research, descobriu que os dentes de leite contêm de uma a doze células tronco, as quais podem ser usadas mais tarde na vida para tratar uma gama de doenças.  E, por um longo tempo, muitos especialistas têm estudado como estas células tronco podem ser usadas no cérebro, pâncreas, coração e outros órgãos para reparar os danos causados por diferentes doenças.

Os especialistas também revelaram que um tipo de célula tronco vive dentro dos dentes de adultos.  Mas, após estudarem dentes de leites recém caídos de crianças de 7 a 8 anos, eles encontraram células tronco completamente diferentes daquelas que encontraram em dentes de adultos.

dentes-de-leite

Como é que isto funciona?

Podemos responder esta questão para você.  As células tronco são encontradas dentro da polpa dentária, na parte interior de um dente que podem se regenerar em neurônios, ossos e cartilagem – e até mesmo células cardíacas.  De fato, este conceito tem sido considerado como um tratamento efetivo para o diabetes Tipo 1, porque as células tronco da polpa dentárias podem ser diferenciadas em células do tipo pancreáticas para produzir insulina.

Os especialistas dizem que a preservação das células tronco é um processo delicado, no qual elas devem estar vivas para serem úteis.  A polpa dentária tem que ter tido um suprimento adequado de sangue de pelo menos 48 horas antes de ser congelado; menos que isso e as células morrem.

Eles também acham que tanto o dente quanto o tecido oral pode ser gerado a partir das células tronco contidas no embrião do dente, dente de leite, terceiros molares, tecidos periodontais e células pluripotentes induzidas.

Mas cuidado. Não vá sair por aí arrancando qualquer dente para colecionar células tronco.

eak

Fonte

Compartilhe suas emoções com o mundo. Deixe seu comentário...