Papa proíbe venda de cigarros no Vaticano

Compartilhe com as pessoas queridas:

Papa proíbe venda de cigarros no Vaticano

O Papa Francisco proibiu a venda de cigarros no Vaticano, numa tentativa de dar o exemplo de uma vida saudável.

O Vaticano anunciou em um comunicado na quinta-feira (09/11/2017):

‘O Santo Padre decidiu que o Vaticano deixará de vender cigarros aos empregados a partir de 2018.

A razão é muito simples: a Santa Sé não pode contribuir para uma atividade que claramente prejudica a saúde das pessoas.

O comunicado ainda acrescentou que o fumo ceifa mais de sete milhões de vidas todos os anos, de acordo com a Organização Mundial de Saúde.

Ainda foi informado no comunicado:

Embora os cigarros vendidos aos empregados e pensionistas no Vaticano a um preço reduzido são uma fonte de receitas para a Santa Sé, nenhum lucro pode ser legítimo se coloca vidas em risco.

Francisco, que tem apenas um pulmão, não fuma…

(Fonte)


Compartilhe com as pessoas queridas: