Veja com que frequência você deve limpar seu teclado

limpar seu teclado

Qual é a coisa mais suja com a qual você entra em contato todos os dias? Algumas coisas podem vir à mente, mas você provavelmente está esquecendo de algo nojento bem na frente dos seus dedos. Esqueça o assento do vaso sanitário – o teclado do seu computador é um tesouro de coisas nojentas. Com que frequência você limpa o seu?

Germes bem a mão

Equipamentos eletrônicos não se misturam bem com sabão e água – e talvez seja por isso que esquecemos com demasiada frequência de que precisam de ser limpos às vezes, de alguma forma. Mas se você considerar a frequência com usa seu notebook e smartphone, perceberá que sim, há muitos germes escondidos por aí.

De fato, um estudo de 2012 da Universidade do Arizona descobriu que a escrivaninha típica contém 400 vezes mais bactérias do que um assento sanitário. (Para ser justo, os assentos sanitários têm uma má reputação no departamento de germes. “Ele é uma das coisas mais limpas que você vai encontrar em termos de microorganismos”, disse o Dr. Chuck Gerba, professor de microbiologia na Universidade do Arizona, à BBC.  ‘Ele é o nosso padrão de ouro – não há muitas coisas mais limpas do que um assento sanitário quando se trata de germes.’) Se isso não arruinou o seu dia, então aqui está algo que poderá. Um estudo de 2006 no Northwestern Memorial Hospital descobriu que duas bactérias resistentes a drogas – e mortais – (Enterococcus faecium resistente à vancomicina e Staphylococcus aureus resistente à meticilina, ou MRSA) poderiam sobreviver até 24 horas em um teclado. Outra bactéria comum, mas um pouco menos perigoso (Pseudomonas aeruginosa) poderia sobreviver por uma hora.

O primeiro passo óbvio para ajudar a remediar esta situação é lavar sempre as mãos com sabão e água antes e depois de digitar num teclado. Ainda assim, precisamos realmente limpar nossos notebooks, independentemente disso. Em um estudo de 2012 de computadores universitários, microbiologistas concluíram que os teclados e mouses públicos deveriam ser desinfetados pelo menos uma vez por semana. Se você não achar que isto seja suficiente, sinta-se à vontade para seguir os conselhos de um estudo de estações de trabalho hospitalares de 2006, que sugeria a desinfecção de teclados todos os dias. Se você é o único que usa o teclado, há uma chance menor de contrair germes prejudiciais que causam doenças, mas é melhor prevenir do que remediar.

Como dissemos, não molhe seu computador em água e sabão para esfregá-lo. Em vez disso, como recomendado pelo Centro Nacional de Pesquisa em Saúde, aqui está o que você pode fazer toda semana para manter um teclado limpo:

-Lave as mãos antes e depois de fazer qualquer coisa no teclado. Este é o único passo em que muitos sabonetes e água são perfeitamente aceitáveis.

-Quando as mãos estiverem secas, desligue e desconecte o computador da tomada.

-Vire o teclado de cabeça para baixo e sacuda qualquer fragmento que provavelmente esteja escondido em suas fendas. Agite bem! Se você tiver uma lata de ar comprimido, use-a neste momento para ajudar a eliminar resíduos difíceis.

-Umedeça um cotonete com água ou álcool isopropílico. Não o encharque; apenas umedeça ligeiramente. Passe entre as teclas com o cotonete.

-Umedeça um pano sem fiapos (novamente úmido, não encharcado) e limpe o restante do teclado. Você ficará bem. Bom trabalho!

(Fonte)

Compartilhe com as pessoas queridas: